Lily James irá estrelar o novo romance criminal ‘Peggy Jo’
12
06
20

Lily James interpretará Peggy Jo – uma assaltante de banco que comete assaltos enquanto vestida de homem – em uma história de crime real do diretor Phillip Noyce.

Vagamente baseada na história real de Peggy Jo, o longa está sendo exibido como ‘Bonnie, mas sem o Clyde’ e foi adaptada para a tela pelo escritor de Appaloosa, Robert Knott. Ele será filmado no sul dos Estados Unidos.

Os produtores são Simon Brooks através de sua produtora de Los Angeles, Canyon Creek Films. A HanWay Films adquiriu direitos de vendas internacionais e apresentará o projeto aos compradores no próximo mercado virtual de Cannes. O UTA Independent Film Group está lidando com a venda nos EUA.

Simon Brooks disse: “Estou procurando fazer um filme com Phillip Noyce há anos e Peggy Jo finalmente é a oportunidade. É uma grande história emocionante e que irá cativar o público em todo o mundo.”

A MD da HanWay Films, Gabrielle Stewart, acrescentou: “Peggy Jo é tudo sobre querer mais do que sua vida lhe apresenta e comemora com uma piscadela e um aceno de cabeça, muitos de nossos filmes favoritos das décadas de 70 a 80, em tom, diversão, música, cores e puro entretenimento escapista, com muita carga de coração.”

Peggy Jo (James) é uma linda mulher, propensa a se perder romanticamente nos livros e nos filmes; entretanto, ela não é o tipo de pessoa que deixa a vida e as pessoas se aproveitarem dela. Quando sua nova paixão se casa com uma colega do banco em que trabalham, ela resolve cuidar de tudo por conta própria, roubando o local disfarçada de homem.

Inspirada por seu amor por histórias de amo, como Butch Cassidy e Sundance Kid, e a necessidade de ajudar sua família financeiramente, Peggy começa sua série de assaltos através do alter-ego Cowboy Bob. Ela se torna mais audaciosa a cada “missão”, e é perseguida pelo astuto agente Bishop, do FBI. Mas nesse meio tempo, ela entrega seu coração para o forasteiro Charlie e, quando ele é ameaçado, ela decide, como seus heróis, entregar-se num último momento de glória.

Fonte